26 de ago de 2010

Pra onde eu vou...


Pra onde eu vou ninguém pode chegar
Vou voar pra ninguém alcançar
Sonhar e chegar além do infinito
Para quem sabe lá, viver entre risos
Alegrias, emoções, amizades e amores.

Pra onde eu vou a tristeza é banida
O que eu quero é ser feliz mais ainda
Em um lugar sem problemas, apenas soluções
Sem brigas e violência, palavrões ou solidões
Só coisas boas nos cercarão

Pra onde eu vou não tem diferenças
Somos todos iguais, sem nenhum preconceito
Viver e apenas viver, essa é a lei
E a maior das leis: ser feliz!
Se alguém souber da existência desse lugar,
Por favor, me diga o endereço e me encontre lá!