13 de abr de 2012

Continuar a caminhar para quem sabe um dia alcançar seus passos, que para longe de mim foram-se, quase voando… Mas quem pode provar que você não foi voando?
Ninguém, porque anjos voam para perto de outros anjos, e como anjo não sou, longe de ti ficarei… e porque achar ruim se estamos embaixo do mesmo céu, olhando para o mesmo sol, para a mesma lua, e quem sabe olhando para as mesmas estrelas? Rezamos para o mesmo Deus, agradecemos à Ele por tudo e também pedimos para Ele trazer quem queremos pra perto.
O que há de ruim nisso? Por que reclamar? Talvez porque Deus ainda não atendeu meu pedido, talvez seja por isso.
Por mais que eu tente, por mais que eu ache que eu consegui… te esquecer não é fácil.
Sempre que penso que não te amo mais, vem você com esse sorriso encantador, essas doces palavras que me fazem ver que estou enganada.
E só de pensar que eu já desejei nunca te esquecer.
Hoje, desejo, peço, imploro… sai da minha vida! Mas você parece que não escuta. Ou até escuta, mas entende errado.
Quando eu digo ‘Oi’, quero dizer ‘Tchau’ e quando eu te falei para não ir, era mentira. Minha mente gritava para você ir e nunca mais voltar. Mas parece que você não entende…
Então aqui eu vou ficar, contando quantas vezes acho que te esqueci e implorando para você não aparecer e dizer que estou errada.

Promise.

Promete que não vai voltar? Promete que todas aquelas coisas ditas não valeram nada e que tudo vai voltar a ser como era antes de nos conhecermos? Que todas aquelas dúvidas, problemas e preocupações vão com você também? Promete que minha vida vai parar de ser revirada, meu coração vai ser deixado em paz e finalmente vou poder pensar em outra coisa a não ser você? Promete que vai se manter distante por tempo indeterminado?